Artista transforma os desenhos do filho pequeno em incríveis ilustrações 3D

Você se lembra da sua infância, de quando tinha quatro anos de idade e desenhava casas, monstros, pessoas, árvores e afins? Você acreditava que estava fazendo algo maravilhoso, mas todos viam apenas rabiscos. Bom, um artista polonês resolveu fazer com que todos vissem os desenhos do filho como a obra de arte que pretendiam ser e divulgou o resultado disso nas redes sociais.

Przemek Trasnik Czapla é um designer gráfico de 31 anos que produz trabalhos digitais em uma empresa envolvida na produção de vídeo (comerciais, vídeos de música, etc.). Nas horas vagas, o designer gosta de criar personagens de desenhos animados realistas e os posta em seu portfólio.

Trasnik contou em uma entrevista ao site da Procreate (programa que costuma usar em suas criações) que começou a desenhar no jardim de infância com desenhos dos vôos do Space Ghost em uma versão bem borrada, seguidos por desenhos dos personagens da Disney ou Warner Bros, já mais elaborados.

Na escola primária, seus amigos lhe pediam para melhorar seus desenhos e isso o inspirou a fazer o mesmo com os desenhos do seu filho pequeno agora, em especial um robô. O artista até postou o processo de transformação em um vídeo bem bacana. Trasnik já digitalizou dois dos desenhos de seu filho e está à espera de novos originais. Dê uma olhada nos trabalhos finalizados abaixo.

IMG_0518__880

Me-and-my-Son2__880

 

Me-and-my-Son3__880

Me-and-my-Son1__880

dinoclose__880

Eu gostei muito do dinossauro. E você?

Mas Trasnik não foi o único a aprimorar a arte da infância. O SCL já mostrou o artista holandês Telmo Pieper e a artista canadense Ruth Oosterman que resolveram repaginar alguns desenhos também. Pieper refez alguns de seus próprios desenhos de infância tornando-os bem mais realistas, enquanto Oosterman finalizou a arte da sua filhinha de dois anos com técnicas expressionistas.

Bióloga por formação e curiosa por natureza, acredita que sempre existe algo a mais para se aprender.

Comments

comments

3 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *